O podcast Introvertendo, produzido por autistas e dedicado a discutir autismo, lançou nesta sexta-feira (26) o seu 149º episódio, chamado “Autismo e Mudanças Climáticas”. O episódio, que teve como base as mudanças climáticas no mundo e o efeito para autistas, contou com as participações de Carol Cardoso, Tiago Abreu e Willian Chimura, todos autistas.

“Nossa abordagem, neste episódio, foi de tentar mostrar como as discussões ambientais e o autismo não são temas necessariamente distantes”, explicou Tiago Abreu, o apresentador. Entre as discussões feitas no episódio, também foi abordado o apagão no estado do Amapá, que durou a maior parte do mês de novembro.

Carol Cardoso é estudante de Arquitetura e Urbanismo e reside na cidade do Amapá, e refletiu a relação do apagão com as mudanças climáticas. “Eu não consigo deixar de pensar que a relação de distanciamento que nós temos do nosso sistema social com a natureza cria situações como essa, porque eu vejo que o que aconteceu no Amapá pode acontecer em qualquer lugar, mas que pela tendência de marginalização dos estados da região norte em relação ao resto do Brasil, acaba criando esse distanciamento de que ‘é muito longe da minha realidade, então eu não me importo tanto’ ou ‘o que acontece lá, nunca pode acontecer aqui’.”, criticou.

O youtuber Willian Chimura citou um estudo científico de 2020 que aborda relações de autistas com a percepção do clima e também comentou o hiperfoco que autistas podem ter com a temática das mudanças climáticas. Ele também lamentou os efeitos do apagão. “Olha que infeliz que a gente precisa esperar algum conflito maior, uma catástrofe acontecer ou partido A, o partido B que você não gosta falar, tomar alguma política, uma medida sobre algum desses estados que são marginalizados”, concluiu.

O episódio está disponível para audição em diferentes plataformas, como o Spotify, Deezer, Apple Podcasts, Google Podcasts, Amazon Music e CastBox, ou no player abaixo. O Introvertendo também possui transcrição de seus episódios e uma ferramenta em Libras, acessível para pessoas com deficiência auditiva.